Brasil, 21 de abril de 2014.
Ir para a página inicial Agrolinks Comunidade Ciência & Tecnologia Informação Negócios Publicidade
   
 
 Artigos
 Eventos
 Notícias
 Cadastre-se
 Agrociência
 Software
 Categorias
 Mais visitados
 Classificados





Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Perspectivas da piscicultura em Mato Grosso do Sul

20-08-2007

:. Do mesmo autor
A utopia do repovoamento

Peixes Como Recurso Sustentável Do Pantanal

Considerações para definição de períodos de defeso de reprodução: o caso do Pantanal

Os Pulsos de Inundação e o Rio Taquari

Os Controles Geológicos e os Pulsos de Inundação no Pantanal

Estratégias para definição de Períodos de Defeso no Pantanal

Gestão sustentável de recursos pesqueiros - O caso do Pantanal

Capital natural: fonte de bens e serviços – o caso do Pantanal

Estratégias reprodutivas dos peixes do pantanal

Melhoramento genético em peixes – uma revolução na aquicultura do Brasil

Devido à demanda crescente por consumo de organismos aquáticos, particularmente de peixes, que não consegue ser atendida pela pesca extrativa tradicional, a produção de peixes como atividade zootécnica vem crescendo a cada ano. O grande guru da administração, Peter Drucker, prognosticou que as próximas décadas teriam um crescimento acelerado da aqüicultura. Levantamentos realizados por Borghetti e colaboradores relatam que em 2001, os oito maiores países produtores aquícolas foram asiáticos. O maior produtor foi a China que respondeu por 77,8% da produção mundial, com 34,2 milhões de toneladas produzidas. A aqüicultura continental foi responsável por 46,4% da receita produzida, enquanto a maricultura, por 36% e a produção aquícola em águas salobras, por 17,5%. Na América do Sul, o Chile foi o principal produtor, com 631,9 mil toneladas, equivalente a 52,9% da receita total gerada em 2001. Foram seguidos pelo Brasil, com 210 mil toneladas e Equador, com 67,9 mil toneladas.

A aqüicultura mundial apresentou na última década, um crescimento anual médio cinco vezes superior aos apresentados pela bovinocultura, avicultura e suinocultura, ultrapassando de longe as projeções traçadas pelos especialistas. O mesmo ocorreu no Brasil, com valores de crescimento ao redor de 140% nos últimos cinco anos. Apesar desse ritmo de crescimento, existem grandes pontos de estrangulamento na sua manutenção a qual é particularmente crítica para a piscicultura, na medida em que a maioria é desenvolvida em escala familiar, com baixos níveis de tecnificação e de produtividade e ausência de uma estrutura comercial adequada para o escoamento da produção. Não há, até a presente data, um quadro geral do tamanho dos empreendimentos aquícolas no Brasil. Entretanto, considerando que a “piscicultura no Brasil foi considerada como uma atividade complementadora de renda nas propriedades rurais”, é razoável supor que na maioria dos Estados brasileiros, o tamanho dos empreendimentos seja de pequena área. Ao menos é verdadeiro para o Paraná, onde Borghetti e colaboradores encontraram área média de cultivo de 0,37 hectares por propriedade. Em Mato Grosso do Sul, levantamentos realizados pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Agrário, de Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo e pelo Escritório da Secretaria de Aqüicultura e Pesca em Mato Grosso do Sul, revelam que mais de 50% dos empreendimentos piscícolas possuem áreas inferiores a um hectare, em torno de 0,30 a 0,80 hectares. Existem, no entanto, seis pisciculturas com áreas inundadas superiores a 50 hectares, localizadas no eixo sudeste/sul do Estado.

Páginas: anterior 1 2 3 próxima Topo da página


Emiko Kawakami de ResendeEnvie um email!
Bióloga - EMBRAPA/CPAP

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

:. ARTIGOS RELACIONADOS
A piscicultura em tanque-rede como alternativa no pantanal
Gestão sustentável de recursos pesqueiros - O caso do Pantanal
Diversidade de Peixes no Pantanal: Por que conservar?
Uma nova visão do manejo pesqueiro
Aspectos ecológicos e culturais da pescaria de anzol
Procedimentos corretos para a prática do pesque e solte.
Uso da ultra-sonografia na determinação do sexo de peixes nativos
Programa Zona Franca Verde - A Reestruturação do Setor Agropecuário e Pesqueiro
Estratégias reprodutivas dos peixes do pantanal
Melhoramento genético em peixes – uma revolução na aquicultura do Brasil

Copyright © 2000 - 2014 Agronline.com.br