Agronline
Página inicial dos artigos
Início
 
Agricultura
 
Agroinformática
 
Desenv. Rural
Economia Rural
 
Pecuária
 
Amigo oculto do agricultor

18/08/2009

Os insetos-praga são responsáveis por perdas significativas na produtividade de inúmeras culturas. Entre os principais métodos de controle, destacam-se o controle químico e o controle biológico, que utiliza patógenos, predadores e parasitóides para a supressão de populações dos insetos-praga. O controle biológico vem a cada dia recebendo maior importância em programas de manejo integrado de pragas (MIP), devido à preocupação e conscientização da necessidade de manutenção da qualidade ambiental e segurança humana.

Esses inimigos naturais podem ser utilizados através do Controle Biológico Clássico, onde os organismos benéficos são coletados numa área de exploração e introduzidos na área onde se pretende controlar uma determinada praga. De maneira geral, essas liberações são realizadas com pequeno número de insetos (liberações inoculativas) por uma ou mais vezes no mesmo local. Já no caso do Controle Biológico Aplicado, os parasitóides e predadores são criados em grande quantidade em laboratório, sendo então liberados para obter efeito de controle imediato da praga alvo. No Controle Biológico Natural, os organismos benéficos que ocorrem naturalmente em uma determinada área são conservados e ou incrementados através da manipulação do ambiente.

Entre os diversos inimigos naturais, destacam-se os parasitóides de ovos, que têm como grande vantagem o fato de poderem reduzir a população da praga antes que a mesma cause dano à cultura. Entre esses, os himenópteros, também conhecidos como vespas, têm como principais familías os Trichogrammatidae, Scelionidae e Encyrtidae. No entanto, por apresentarem tamanho diminuto (apenas alguns milímetros), ou seja, de difícil visualização, o seu efeito benéfico muitas vezes não é percebido pelos agricultores.

Entre os Trichogrammatidae, especial atenção é dada ao parasitóide do gênero Trichogramma, que apresenta tamanho entre 0,5 a 1,5 mm de comprimento, sendo um dos insetos mais estudados em todo o mundo, estando presente nas mais diferentes regiões e sendo encontrado e utilizado em programas de controle biológico, especialmente de lepidópteros, em diferentes culturas. No Estado do Mato Grosso do Sul, as culturas de soja, algodão, cana-de-açúcar, milho, eucalipto e mandioca estão entre as culturas que possuem relatos de espécies de Trichogramma, parasitando naturalmente ovos de insetos-pragas.

Os parasitóides da família Scelionidae possuem tamanho que variam entre 0,5 a 10 mm, e diversas espécies estão associadas em diferentes culturas. Em Mato Grosso do Sul, os parasitóides do gênero Telenomus são bastante comuns, sendo encontrados parasitando ovos dos percevejos Dichelops melacanthus, Piezodorus guildinii e Euchistus heros na cultura da soja e recentemente encontrado atacando ovos do percevejo Pachycoris sp. na cultura do pinhão manso.

Páginas: anterior 1 2 próxima Topo da página


Harley Nonato de OliveiraEnvie um email!
Pesquisador - EMBRAPA/CPAO

  Enviar este artigo por e-mail  Imprimir este artigo  Como citar esse artigo 
:. COMENTÁRIOS
    Clique aqui!  E deixe seu comentário sobre o artigo!

:. ARTIGOS RELACIONADOS

Artigos por assunto

Administração Agribusiness Agricultura de Precisão Agricultura Familiar Agricultura Urbana Agroecologia e orgânicos Agroindústria Agronegócio Agropecuária Familiar Agropesquisa Alimentação Apicultura Avicultura Boi verde e Pecuária orgânica Bovinocultura Caprinocultura Ciência florestal Climatologia Comércio internacional Comunicação Contaminação de águas Cooperativismo Crédito agrícola Crédito Rural Crise Energética Desenvolvimento Rural Desenvolvimento Sustentável Ecologia Educação Exportação Extensão Fauna Silvestre Fertilidade do Solo Fertilidade e conservação do solo Fitopatologia Fitotecnia Forrageiras Fruticultura Genética Horticultura Internet na agricultura Irrigação e Drenagem Marketing Meio ambiente Nutrição animal Ovinocultura Paisagismo Pecuária Leiteira Piscicultura Plantas Daninhas Plantas Medicinais Plantio direto Pragas e doenças Rastreabilidade Animal Sanidade animal Segurança Alimentar Seguro agrícola Sementes Suinocultura Tecnologia Transgênicos Zoonoses
Copyright © 2000 - 2017 Agronline.com.br