Agronline
Página inicial dos artigos
Notícia
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Tecnologia
Embrapa Clima Temperado lança tecnologias na Expointer
Durante a Expointer 2009, que acontece de 29 de agosto a 6 de setembro, na Casa da Tecnologia, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), a Embrapa Clima Temperado irá expor seus resultados de pesquisa sobre: plantas medicinais, citros, quintais orgânicos de frutas, agroenergia (mamona), arroz, batata e curcubitáceas. Este ano, a Unidade fará o lançamento na quinta (3.9), às 16h30, na Casa da Tecnologia de quatro tecnologias desenvolvidas pela Embrapa Clima Temperado. Trata-se de duas publicações, o Catálogo de Cultivares de Citros de Mesa 2009 e o Zoneamento de Oliveiras no Rio Grande do Sul e de duas cultivares de pêssego: BRS Âmbar e BRS Libra.

Os citros estão entre as frutas mais consumidas no Brasil, maior produtor mundial da espécie, e podem ser encontrados na mesa de famílias de todas as classes sociais. Pensando nisso, em 1999, a Embrapa Clima Temperado iniciou um programa de introdução e avaliação de cultivares de laranjas e tangerinas de mesa. “Várias delas, inclusive algumas sem sementes, vêm apresentando um bom potencial para cultivo comercial no RS, devido aos atributos de qualidade e produtividade das mesmas”, explicou o pesquisador responsável pelo trabalho, Roberto Pedroso. O catálogo apresenta detalhes de 13 cultivares de citros pesquisadas pela instituição e adaptadas a região.

O Zoneamento de Oliveiras no Rio Grande do Sul, por sua vez, apresenta detalhes das condições climáticas para o plantio de oliveiras no RS, identifica as regiões onde o plantio é recomendado, onde há restrições e onde não é recomendado seu cultivo. Segundo o pesquisador da Unidade, Enilton Coutinho, esse tipo de zoneamento nunca havia sido feito no RS, embora a cultura da oliveira não seja recente. “O zoneamento esclarece algumas das maiores preocupações de quem vai começar a trabalhar com uma cultura”, diz. De acordo com ele, em algumas regiões, como na fronteira oeste, a cultura se adapta tão bem que seus resultados de produção são semelhantes aos obtidos na Espanha e na Itália.

Quanto as cultivares de pêssego, desenvolvidas através dos resultados obtidos pela equipe coordenada pela pesquisadora Maria do Carmo Bassols Raseira, a BRS Libra tem duplo propósito, atende as especificações da indústria de conservas e de mesa. Com polpa amarela, firme, diâmetro aproximado de 5,5 cm, peso médio dos frutos em torno de 120 gramas e sabor doce que agrada ao paladar do consumidor da fruta in natura.

A planta tem vigor alto, floração precoce na primeira quinzena de julho, podendo variar conforme ano e local. Tem baixa necessidade em frio (100 a 200 horas) e foi testada em Pelotas (RS). Sua colheita tem início entre final de setembro e início de outubro e a produtividade da cultivar ficou entre 200 a 500 frutos por planta, antes do desbaste.

A BRS Âmbar atende às especificações da indústria com características desejáveis como: polpa amarela e firme, sabor doce-ácido, diâmetro aproximado de 6 cm, peso médio dos frutos em torno de 130 gramas e deve ocupar parte do mercado da cultivar Esmeralda. A planta tem vigor médio a alto, floração nos meses de julho e agosto e apresentou necessidade de frio em torno de 300 horas. A colheita se dá em final de novembro e início de dezembro e teve resultados em torno de 20 a 30 quilos por planta.

Fonte: Embrapa Clima Temperado

Os citros estão entre as frutas mais consumidas no Brasil, maior produtor mundial da espécie, e podem ser encontrados na mesa de famílias de todas as classes sociais. Pensando nisso, em 1999, a Embrapa Clima Temperado iniciou um programa de introdução e avaliação de cultivares de laranjas e tangerinas de mesa. “Várias delas, inclusive algumas sem sementes, vêm apresentando um bom potencial para cultivo comercial no RS, devido aos atributos de qualidade e produtividade das mesmas”, explicou o pesquisador responsável pelo trabalho, Roberto Pedroso. O catálogo apresenta detalhes de 13 cultivares de citros pesquisadas pela instituição e adaptadas a região.

O Zoneamento de Oliveiras no Rio Grande do Sul, por sua vez, apresenta detalhes das condições climáticas para o plantio de oliveiras no RS, identifica as regiões onde o plantio é recomendado, onde há restrições e onde não é recomendado seu cultivo. Segundo o pesquisador da Unidade, Enilton Coutinho, esse tipo de zoneamento nunca havia sido feito no RS, embora a cultura da oliveira não seja recente. “O zoneamento esclarece algumas das maiores preocupações de quem vai começar a trabalhar com uma cultura”, diz. De acordo com ele, em algumas regiões, como na fronteira oeste, a cultura se adapta tão bem que seus resultados de produção são semelhantes aos obtidos na Espanha e na Itália.

Quanto as cultivares de pêssego, desenvolvidas através dos resultados obtidos pela equipe coordenada pela pesquisadora Maria do Carmo Bassols Raseira, a BRS Libra tem duplo propósito, atende as especificações da indústria de conservas e de mesa. Com polpa amarela, firme, diâmetro aproximado de 5,5 cm, peso médio dos frutos em torno de 120 gramas e sabor doce que agrada ao paladar do consumidor da fruta in natura.

A planta tem vigor alto, floração precoce na primeira quinzena de julho, podendo variar conforme ano e local. Tem baixa necessidade em frio (100 a 200 horas) e foi testada em Pelotas (RS). Sua colheita tem início entre final de setembro e início de outubro e a produtividade da cultivar ficou entre 200 a 500 frutos por planta, antes do desbaste.

A BRS Âmbar atende às especificações da indústria com características desejáveis como: polpa amarela e firme, sabor doce-ácido, diâmetro aproximado de 6 cm, peso médio dos frutos em torno de 130 gramas e deve ocupar parte do mercado da cultivar Esmeralda. A planta tem vigor médio a alto, floração nos meses de julho e agosto e apresentou necessidade de frio em torno de 300 horas. A colheita se dá em final de novembro e início de dezembro e teve resultados em torno de 20 a 30 quilos por planta.

Embrapa Clima Temperado

Data: 31-08-2009
Fonte: Embrapa
  Enviar está notícia por e-mail  Imprimir esta notícia 

Notícias relacionadas
»Aplicativo para identificar deficiências nutricionais da Yara já está disponível a produtores de café
»Embalagens de plástico verde reduzem desperdício e dão mais segurança
»Tecnologia invade os campos agrícolas
»Banana transgênica pode ajudar no combate à desnutrição
»Pesquisa contribui para o controle da contaminação do solo

Notícias anteriores
07-14/Jul  15-22/Jul  23-30/Jul  31/Jul-07/Ago    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2020 Agronline.com.br