Agronline
Página inicial dos artigos
Notícia
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Geral
RN - Emparn inaugura mini-usina de beneficiamento em Apodi
Apodi - O Governo do Estado, por meio da Emparn, adquiriu uma mini-usina de beneficiamento de algodão, que vai beneficiar os produtores da região do Vale do Apodi. A aquisição da máquina representa um grande avanço na cultura algodoeira de produção familiar, uma vez que proporcionará aos produtores separarem a pluma do caroço, agregando valor ao produto.

Os agricultores poderão vender a pluma, o produto final, que é comercializado ao preço de R$ 5,50/ kg, enquanto a mesma quantidade do algodão com caroço, é vendido ao preço de R$ 1,00 / kg. Além da comercialização da pluma, obtêm-se os subprodutos extraídos do beneficiamento do caroço da amêndoa se extrai o óleo, usado na matriz energética do biodíesel e os resíduos servem como fonte de proteína para o rebanho. Com isso aumentando a renda familiar e melhorando as condições de vida das famílias.

A mini-usina será entregue nesta sexta-feira na cidade de Apodí, onde acontece a terceira etapa do VI Circuito de Tecnologias Adaptadas à Agricultura Familiar, na Estação Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte - Emparn. Esse ano o circuito tem como tema "Conservar os Recursos Naturais do Semiárido gerando renda e mais alimentos" e está sendo realizado em seis etapas.

A primeira foi realizada em Cruzeta e teve como foco a bovinocultura, superando as expectativas, com 600 participantes a segunda foi a realização de um seminário em Mossoró, com o tema"Água no semiárido: Conservação e manejo racional" e a terceira etapa será em Apodi, com foco no uso das oleaginosas - principalmente na atividade algodoeira - e nas culturas alimentares.

De uma maneira geral, as atividades dos circuitos de tecnologias promovidos pela Emparn têm como objetivo levar aos pequenos produtores da agricultura familiar conhecimentos, técnicas e esclarecimentos que contribuam para a otimização da atividade agropecuária desenvolvida por eles. Com um vasto portifólio de pesquisas, informações técnicas e tecnologias apropriadas, a equipe da Emparn utiliza o circuito para fazer uma disseminação desse conhecimento junto aos pequenos produtores, que muitas vezes ainda têm dificuldades em ter acesso a elas.

A exemplo dos anos anteriores, o Circuito 2009 da Emparn será executado em parceria com a EMATER-RN e conta com o patrocínio do Governo do Estado (por meio da Agricultura, da pecuária e da Pesca) e do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Também recebe apoio do Sebrae, Embrapa e do Banco do Nordeste.

As próximas etapas do circuito: 24 e 25 de setembro - Ipanguaçu 29 e 30 de outubro - Pedro Avelino 26 e 27 de novembro - São Gonçalo do Amarante

Fonte: Governo do Rio Grande do Norte

Data: 20-08-2009
  Enviar está notícia por e-mail  Imprimir esta notícia 

Notícias relacionadas
»Brandt investe no potencial de crescimento da agricultura brasileira e dobra de tamanho em dois anos
»Mais de duas mil pessoas prestigiam Ação Cooperada em Erechim
»Pesquisa desenvolve biscoito de cereais integrais com recheio de polpa de frutas brasileiras
»AgroBrasília 2017: Sucessão Familiar é tema da Feira
»Nutron auxilia produtores de suínos a diminuir o impacto das micotoxinas

Notícias anteriores
09-16/Out  17-24/Out  25/Out-01/Nov  02-09/Nov    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2019 Agronline.com.br