Agronline
Página inicial dos artigos
Notícia
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Pecuária
Assentados paranaenses contarão com Salas da Cidadania para acessar serviços prestados pelo Incra
Serviços e informações que visam facilitar o acesso dos beneficiários da Reforma Agrária e dos proprietários rurais aos serviços prestados pelo Instituto Nacional de Cidadania e Reforma Agrária (Incra) estão, agora, a disposição de 738 famílias de 11 assentamentos paranaenses. O acordo de cooperação, que garante a implantação das Salas da Cidadania, foi firmado, nesta segunda-feira (28), entre o Incra e a Prefeitura Municipal de Honório Serpa, durante apresentação do Plano Safra 2014/2015 para o estado.

Para o ministro do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto, a Sala da Cidadania é a melhor maneira do Incra ficar mais próximo dos assentamentos. “O assentado não precisa sair de casa para renegociar suas dívidas. Assim, estará apto para acessar novos créditos”, disse o ministro.

O espaço reúne serviços de Atualização Cadastral do Beneficiário da Reforma Agrária; Emissão de Certidão de Beneficiário; Emissão de Espelho do Beneficiário; Solicitação de emissão de DAP-B; Liquidação ou Renegociação das Dívidas do Pronaf A e A/C contraídas junto ao Banco do Brasil, dentre outros.

No Paraná, são 5.664 famílias que estão aptas a renegociar as dívidas. Ao todo, são 11.586 operações de crédito, realizadas por intermédio do Banco do Brasil. O prazo para o assentado manifestar formalmente à instituição financeira o interesse em renegociar a operação vai até 30 de dezembro de 2014. A liquidação total do empréstimo poderá ser feita até o dia 30 junho de 2015.

O representante do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra e da Via Campesina, Jean Carlo Pereira, da Cooperativa Central da Reforma Agrária (CCA), salientou que os assentamentos foram contemplados no Plano Safra, com as medidas de renegociação de dívidas e com a implantação de novas modalidades de crédito, mas ainda há muito o que ser feito nos próximos anos. “É preciso avançar ainda mais, com o fortalecimento do Incra e da sua capacidade organizacional para a implantação dessas medidas anunciadas neste Plano”, completou Pereira.

Data: 30-07-2014
Fonte: MDA
  Enviar está notícia por e-mail  Imprimir esta notícia 

Notícias anteriores
20-27/Ago  28/Ago-04/Set  05-12/Set  13-20/Set    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2021 Agronline.com.br