Agronline
Página inicial dos artigos
Notícia
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Geral
SC - Milho fortuna ganha a preferência de produtores
No município catarinense de Irineópolis, norte do Estado, a agricultura tem papel fundamental para a economia e para o sustento de boa parte da população. O trabalho agrícola tornou-se mais vantajoso e lucrativo na região, depois que os produtores de milho passaram a utilizar uma variedade especial de semente. É o milho fortuna, resultado de 10 anos de pesquisa da Epagri para obter um produto de maior qualidade.

O milho é considerado a base da agroindústria em Santa Catarina, principalmente no segmento de suínos e aves. Este cereal é responsável pelo sustento de milhares de pequenas propriedades no Estado. A semente de milho fortuna foi criada pensando, justamente, na agricultura familiar e a grande vantagem é que o agricultor produz suas próprias sementes o que significa economia em cada safra e a garantia do ciclo da produção.

O produtor Francisco dos Santos explica que começou a plantar o milho fortuna a partir de uma reunião com técnicos da Epagri e do Projeto Microbacias 2. “Recebi 20 quilos de semente, tive as orientações e plantei. Enfrentei problemas no início devido à chuva, mas insisti. Hoje, não troco por outro, ele se adaptou muito bem à minha lavoura”, comemora, confirmando que o fortuna é um milho mole para criação, graúdo e muito sadio.

O agricultor Carlos Maier também está satisfeito com o novo produto e acha perda de tempo e dinheiro investir em outro tipo de semente. “Tem muito milho selecionado em cooperativa, até barato, mas que vai dar dor de cabeça ao produtor. Quando ele colher, boa parte já vai ser levada ao paiol com caruncho, sem falar na consistência muito dura que não vai servir para alimentação animal”, alerta. Para o agricultor, esse tipo de problema não acontece com o milho fortuna.

O engenheiro agrônomo da Epagri de Irineópolis, Danilo Paiva Sagaz, fala da importância de tomar alguns cuidados para garantir a boa produtividade do milho fortuna, mas sem afetar outras cultivares. “A variedade de polinização aberta permite ao agricultor fazer suas próprias sementes de ano para ano, desde que tenha cuidados técnicos fundamentais. Entre eles, o isolamento da lavoura, uma vez que o milho, assim como qualquer cereal, poliniza-se facilmente. Isso pode fazer com que se misture em cultivares diferentes que estejam próximas”, explica Danilo, que ressalta a necessidade de marcar as melhores plantas antes da colheita para depois colher separadamente, garantindo as sementes de melhor qualidade para o ano seguinte.

Fonte: Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural e Santa Catarina S.A - Epagri - www.epagri.rct-sc.br

Data: 04-09-2009
  Enviar está notícia por e-mail  Imprimir esta notícia 

Notícias relacionadas
»Brandt investe no potencial de crescimento da agricultura brasileira e dobra de tamanho em dois anos
»Mais de duas mil pessoas prestigiam Ação Cooperada em Erechim
»Pesquisa desenvolve biscoito de cereais integrais com recheio de polpa de frutas brasileiras
»AgroBrasília 2017: Sucessão Familiar é tema da Feira
»Nutron auxilia produtores de suínos a diminuir o impacto das micotoxinas

Notícias anteriores
07-14/Jul  15-22/Jul  23-30/Jul  31/Jul-07/Ago    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2020 Agronline.com.br