Agronline
Página inicial dos artigos
Notícia
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Agricultura
PR - Cocamar: Seringueiras despertam interesse na região Noroeste
O cultivo de seringal continua sendo um bom negócio mesmo com a queda dos preços da borracha no mercado internacional, ocasionada pela crise dos mercados. Em Paranacity, município do Noroeste do Estado, o produtor Paulo Gusman de Souza diz ser possível obter uma renda média de R$ 10 mil por alqueire ao ano se a cultura for conduzida sem um porcenteiro; mesmo assim, se houver a participação deste, o rendimento fica por volta de R$ 6,4 mil/ano. Ele possui 4 mil árvores em 6 alqueires, plantadas há 23 anos no espaçamento de 8 x 4 metros, no meio de uma lavoura de café. Agora está plantando mais 2 mil. Cada árvore produz 1 quilo de látex por mês durante dez meses do ano. Depois de seco, o látex rende 600 gramas de sernambi, vendido a R$ 1,60 o quilo do produto de primeira e a R$ 1,10 o de segunda.

Segundo o produtor, o horário ideal para a chamada "sangria" é de madrugada, quando o rendimento é maior. Paulo trabalha das 3 às 7 horas na "sangria", retornando às 11 horas para recolher a produção, serviço que leva mais de uma hora e meia, em média (Imprensa Cocamar)

Data: 04-09-2009
Fonte: Ocepar - PR
  Enviar está notícia por e-mail  Imprimir esta notícia 

Notícias relacionadas
»Resistência na ferrugem da soja ganha força
»Resistência na ferrugem da soja ganha força
»Produtores do RS já colheram 8,5 milhões de toneladas de arroz
»SC quer erradicar cancro europeu dos pomares de maçã
»Curso Internacional de Sementes: Fisiologia e Qualidade

Notícias anteriores
07-14/Jul  15-22/Jul  23-30/Jul  31/Jul-07/Ago    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2020 Agronline.com.br