Agronline
Página inicial dos artigos
Notícia
 
Agricultura
 
Agronegócios
 
Geral
Pecuária
 
Política
 
Tecnologia
 
Inicio > Agricultura
MT - Milho: produtividade 19% maior em MT
O milho segunda safra, em Mato Grosso, reservou mais uma surpresa na reta final de mais um ciclo, a média de produtividade está 19,9% maior do que os volumes projetados em julho. Com rendimento por saca de 84,6 sacas por hectare (ha), a safrinha soma 5.074 quilos/ha contra 4.232 quilos estimados em julho. Em relação à variação anual o aumento de produtividade é de 9,3%, já que na temporada passada (07/08), foram extraídos em média 4.642 quilos/ha.

Considerando a produtividade, a estimativa de produção é 8,5 milhões de toneladas, volume 19,2% superior aos números de julho e 9,7% acima da safrinha 07/08.

De acordo com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), “as boas condições climáticas e o caráter empresarial aplicado à cultura adquiriu no Estado fizeram com que mais um recorde de produtividade e produção fosse consagrado pelo maior produtor de grãos nacional. Volume maiores do que o esperado”. Conforme boletim semanal divulgado ontem, na última semana de agosto, a colheita do milho atingiu 97,5% dos 1,67 milhões de hectares cultivados.

No Estado, a região que detém a maior produtividade é a oeste, onde o rendimento médio por hectare é de 4.960 quilos. Já em volume de produção, o médio-norte estadual está ofertando pouco mais de 4,23 milhões de toneladas, ou, 47,8% do volume total estimado para a atual temporada mato-grossense.

PREÇOS – Ainda conforme o Imea, na última semana de agosto o comportamento do preço do milho acumulou novas reduções. “Ocorreram poucas negociações no Estado. O mês acumulou decréscimo de R$ 4,66/saca preço referente ao mesmo período do ano anterior. Já no acumulado do ano, a média de redução foi de 31% nos preços.

BOLETIM SEMANAL

EXPORTAÇÕES - O embarque do milho pelo Estado nos primeiros sete meses chegou a 1,7 mil toneladas. No Brasil o embarque foi de 3,5 mil toneladas. Mato Grosso foi responsável por 51% do embarque nacional. O principal importador do Estado foi o República Islâmica do Irã com 18%, seguida pela República da Coreia do Sul com 12% no período de janeiro a julho. Em relação ao ano anterior, o embarque

Foi 85% maior que o registrado em igual período do ano passado, “consolidando Mato Grosso como o maior exportador do país”.

Até julho, do volume total exportado por Mato Grosso, 934,19 mil foram embarcadas pelo porto de Santos (SP), 402,37 mil via Espírito Santo (ES) e 239,02 mil por Manaus (AM). (MP)

Data: 02-09-2009
Fonte: Diário de Cuiabá
  Enviar está notícia por e-mail  Imprimir esta notícia 

Notícias relacionadas
»Resistência na ferrugem da soja ganha força
»Resistência na ferrugem da soja ganha força
»Produtores do RS já colheram 8,5 milhões de toneladas de arroz
»SC quer erradicar cancro europeu dos pomares de maçã
»Curso Internacional de Sementes: Fisiologia e Qualidade

Notícias anteriores
07-14/Jul  15-22/Jul  23-30/Jul  31/Jul-07/Ago    

Noticias recentes

Copyright © 2000 - 2020 Agronline.com.br